-->



Halloween






Ontem na postagem sobre ovulação esqueci de dizer uma coisa muito imortante:caso de vc não queira ter filhos agora,cuidado, porque é nessa época que se engravida. Aninha Leme e o Dr. Teórico me escreveram e lembraram do fato, obrigada.

Andei pelo bairro de Honmoku Wada perto de onde moro. É lá que as casas vão distribuir docinhos amanhã, dia do Halloween.




Tirei fotos das decorações mais bonitas.


Nesse bairro como já falei, moram pessoas de todos os continentes, de vários países. Há uma grande diversidade cultural. Tem gente que acha que brincar no Halloween é sucumbir aos costumes dos EUA. Mas aqui no bairro, não é caso de entreguismo aos americanos.
Eles são uma parte da comunidade local. Aqui cada povo comemora suas datas importantes.

Para brasileiros é difícil de acreditar, mas para a maioria daqui, nem o Natal não faz sentido. Não existe para eles. Aqui no bairro os americanos comemoram o Thanksgiving. Muçulmanos fazem o Ramadã e festa de fim de Ramadã. Mexicanos tem o dia dos mortos, acho. Os chineses tem o ano novo alegre deles. Às vezes somos convidados para essas festas diferentes. Aqui no bairro está implícito que todos se aceitem, há tolerância religiosa, cultural, racial. Acho bonito isso. Fico contente por ter escolhido esse bairro para morar.

Eu vou usar essa capa, tenho chapéu de bruxa. Vou distribuir e ganhar muitos docinhos. Andréa de Fukuoka, vc perguntou o que eu vou usar, aqui está:



Os homens parecem fortes e duros, quase ninguém sabe, mas lá dentro, são sensíveis and easily hurt.
Nesse fim de semana, vamos tomar cuidado com as palavras, tratar o nosso amor com carinho e atenção. Ele vai perceber e te fazer muito feliz. Aposto.



TPM e ovulação


Tem mais um post abaixo desse que postei horas atrás. Gostaria que vissem.

Não sei se vocês repararam, coloquei um contador de visitas. Enfim consegui com a ajuda de Alexandre, Gesiane e Mari. Obrigada.
Em cinco dias foram cerca de 1.100 visitas. Não imaginava que fossem tantas, já que comentários são em média 22 por dia. Aliás agradeço cada comentário.
Logo pensei: gente, tenho que parar de falar tanta besteira e começar postar coisas mais relevantes! Mas o que escrevo é de coração. Vem direto do coração.
Então pensei: se tem tanta gente que vem ler essas bobaginhas é sinal que estão curtindo, por isso vou postar mais bobaginhas!! Vindas do coração.

~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

Hoje o blog está chique, vai ter aulinha de francês dada por Cynthia do blog
assim escreveu Cynthia:

... Ao mesmo tempo, tem palavras no francês que se encaixam tão bem em determinadas situações, acho que melhor do que em português. Por exemplo: je suis desolée, quando acontecesse alguma coisa ruim com a pessoa, como perder um ente. É muito difícil a gente falar: Eu sinto muito, ou meus pesâmes, é estranho, parece forçado, a gente simplesmente abraça e não fala nada. Mas o Desolée se encaixa muito bem.

Completando esqueci de falar que triste em japonês é kanashii 悲しい
Mas chega de falar de tristeza.

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>

Recadinho para os homens desligados.

Vamos parar com essa mania de olhar sempre só para o lado negativo.
Só se fala em TPM. Vejo que ninguém se lembra da ovulação que é quando a mulher fica calma, tranquila, boazinha e pronta pra o amor. Mas isso depende da personalidade da mulher. Tem mulher que é brava o ano inteiro.
Está parecendo aula de biologia ou ciências, mas recordando:

Tente descobrir quando foi o primeiro dia da menstruação da esposa ou namorada.
Conte mais 13 a 15 dias. É mais ou menos por aí os 2 dias férteis. Lembre-se que não é toda mulher que é regulada. E use sempre camisinha.
Como descobrir quando é esse dia? Pergunte, oras! Ou se mora junto, observe.
Tinha o marido de uma amiga, diz que anotava no caderninho. Nem ela sabia, ele sabia os dias férteis dela. Queria filhos.
Eu sou reguladíssima, sempre fui. Só ficou desregulado naquela viagem à China quando comi muito mal. O que prova que a alimentação é muito importante. Teórico que é médico, estou falando besteira? Para mim pelo menos, é assim.

Fico me perguntando quantos homens sabem disso. O Manoel que é um cara informado, aposto que sabe.

Mulher também é vítima da TPM de outras mulheres. Eu também já recebi uns coices bem dados que desconfio serem advindos da TPM. E vindos de mulheres absolutamente doces.

Acho engraçado quando minha mãe fala, No meu tempo não tinha TPM. Talvez não existisse o termo, mas lembro que ela ficava bem nervosa de tempos em tempos.

Já está chegando o fim de semana, vamos torcer para que a esposa esteja na ovulação e não na TPM, senão vc está ferrado. rsrs

........................................................


Brigadeiros rosa para os que por ventura façam aniversário hoje.
Adoro brigadeiros rosa.
Não sabia que tinha gente que não gosta de ovo.
Pensei, pensei numa receitinha que todos gostam.
E esse Melanie Brown, passa pelo seu crivo?

Sei que esse doce tem outro nome, e acho muito feio para um docinho tão bonitinho.
Então não sei se podia, mas rebatizei de brigadeiro rosa.
No Japão os doces tem nomes poéticos ligados à natureza:
Este poderia ser "pétala de flor de cerejeira" que tal?






Matrioshka, parabéns









Ganhei essa linda Matrioshka da minha querida amiga Valéria que morou em Sakhalin. (Ilhas Sacalinas). É feita de cristal russo, parece uma jóia. É um dos meus tesouros.

Ela abre no meio, dá para usar como bombonière. But now, I am refraining from eating too much sweets.

É linda, não? Eu nunca tinha visto matrioshkas de cristal. Ela é grandinha, tem 20 cm de altura.

Uma russa disse para a Valéria que nunca tinha visto matrioshka assim. Parece que são raras mesmo na Rússia. Tenho outras normais de madeira, inclusive uma matrioshka-apito que nem a Valéria conhecia.
Laély, vc tinha visto dessas de cristal?

**********************

Dia 28 de outubro foi aniversário do Phalador. Parabéns a você e te desejo tudo de bom.
Continue nos alegrando com seus lindos textos.

Dia 29 é aniversário do Alexandre do blog
Lost in Japan. O blog dele é sobre o Japão, tem fotos maravilhosas que ele mesmo tirou. Tem músicas que ele gosta, vídeos que ele gravou nas suas andanças pelo país, vc vai se apaixonar ainda mais pelo Japão.



Este é um presente singelo e virtual para o Alexandre Mauj e o Phalador. Estou inventando a aquarela virtual para presente. A ideia foi traçar linhas random a lápis formando figuras geométricas. Preenchi os espaços com tintas coloridas. Comecei com azul e fui tomando cuidado para não colocar cores parecidas próximas, intercalando claras e escuras, alegres e tristes. O material usado é aquarela para nihongá (pintura japonesa). Com essa pintura quis fazer um paralelo com os textos do Phalador que são coloridos e com as belas fotos do Alexandre que são coloridas também. Desculpe dedicar a mesma pintura para os dois, mas é que vcs fazem aniversário juntos, quem mandou? rsrs

Aulinha de japonês: E 絵 significa pintura, quadro.

...............................................................................


Cingapura


Fui com meu filho para Cingapura em agosto. Na verdade, fizemos uma escala de voo em Cingapura. A escala era tão longa (12 horas) que deu para fazer um passeio pela cidade.
Este post é também para uma amiga que vai para lá em breve.

Tenho uma amiga que mora lá, o marido é piloto da Singapore Airlines. Ela nos levou para passear pela cidade.

Se alguma professora de Geografia quiser usar o texto e fotos, fiquem à vontade, ficarei muito honrada. Só peço para avisar porque sou curiosa.



Esta simpática figura (meio estranha) é o símbolo de Cingapura. É o Merlion (mêr laion). Como mermaid é sereia em inglês, este seria o sereio leão. rs Uma figura mitológica. Cingapura é uma cidade-estado, cheia de prédios ultra modernos.




Tem também a parte antiga da cidade. Esta foto acima é do China Town, bairro chinês de lá. (gente, esse sublinhado danado não sai de jeito nenhum, alguém sabe como tirar?)



Esta é uma ponte antiga da cidade, do tempo em que Cingapura ainda era colônia da Inglaterra.



Dead Sea Scrolls são os famosos Manuscritos do Mar Morto. Queria muito ir, mas não deu tempo. Só passamos na frente. Pelo que havia lido no jornal, o que trouxeram foi um pedaço de 10 X10 cm do manuscrito, só.
.....................................................................................

Acho que o furoshiki não ficou bem explicado. Vou tentar fazer novas fotos. Aguardem. Mas se tiverem pressa, tem várias demonstrações no Youtube. É só colocar "furoshiki".
Fico contente que tenham gostado da ideia.

..................................................................................
Claudia, muita gente escreveu dizendo que sua flor de lótus de origami está muito bonita.



Furoshiki, homenagem



Gente, recebi uma bela homenagem de uma nova amiga. Se quiserem ver, aqui está o link
do blog da Maisha. Tá até parecendo que morri, imagine homenagem para mim. Maisha de Portugal é minha seguidora número 100. Desde que a conheci, coincidências tem acontecido. Ela me ofereceu flores e chocolates virtuais. E hoje mesmo ganhei um chocolate igual da foto dentro de um origami. Ganhei da Claudia. Obrigada amiga, sei que vc está lendo. Ganhei um chawan (tya-wan) dela também. Vejam que capricho.

Aulinha de japonês: origami é uma técnica de dobrar papéis coloridos que formam coisas que existem de verdade como flores, animais, objetos. É feito sem tesoura, só dobrando.
Cha-wan (tya-wan) é a cumbuquinha japonesa para comer arroz.

..................................................................................................

Hoje li um texto muito bom no blog do Phalador. Lendo atentamente vc vai ver coisas muito verdadeiras ali. Recomendo.
.......................................................................................


Furoshiki é o pano Bombril do Japão tem mil e uma utilidades.
A Laély do blog Sala da La e a Poderosa ponto com me deram a ideia de ensinar como usar um furoshiki. Furoshiki era uma coisa dos tempos da vovó, mas ultimamente tem sido revalorizado porque pode substituir sacolas e embrulhos de presente. Sendo assim, é uma opção ecológica.

Como embrulhar uma mousse de maracujá com furoshiki

Cubra a vasilha com papel filme

Coloque a mousse no centro do furoshiki

Coloque duas extremidades em cima da vasilha.
Pegue as outras duas pontas e amarre.


É a mesma situação da foto acima, apenas virei.


Por fim, dê um nó. Este é o modo mais simples e básico.
Há vários outros. Dá para embrulhar melancia, garrafa de vinho.
Sinceramente, estou achando isso muito mal explicado, nem eu estou entendendo, rsrs
Se chegarem reclamações e dúvidas vou postar de novo com mais fotos.
Homens também podem usar versões em cores mais sóbrias como preto, azul, cinza, etc.
Manoel pode embrulhar a arma secreta e carregar por aí.

É difícil encontrar no Brasil. Vc pode comprar pano e costurar um quadrado.
Tenho uma amiga muito talentosa que produz e vende furoshikis
e outras coisas lindas de tecido.
Tatiana Polo
Zomê atelier/ 11 3564 1680
tpolo.zomatelier@yahoo.com.br


................................................................................
Obrigada pela preocupação, minha queimadura melhorando bem. Fui a um dermatologista e devo isso ao José Junior de Machida. Obrigada, só melhorei depois de ir lá.





Setsunai, book markers, bola de futebol



Só uma pessoa me contou que foi ao site do sex shop. Ninguém mais? Se não quiser escrever nos comentários me escreva contando para o meu e-mail:
bom.pink1@gmail.com
Pode escrever sobre outros assuntos também.

...............................................................................

Venho apresentando palavras que não existem em outra língua. Tempos atrás escrevi sobre a palavra alemã "schadenfreude" Se tiverem curiosidade, está em marcadores.

Hoje quero apresentar uma palavra japonesa que me ajudou muito desde que a conheci.
É Setsunai, que significa um pouco triste em japonês. Não é muuuuuuuuuuuito triste é só um pouco. Antes de conhecer essa palavra, muitas vezes eu afundava na tristeza.

Setsunai é aquela tristezinha que dá no fim do verão quando vc sabe que vem o outono e os dias ficarão cada vez mais frios. Acabou o verão, adeus vestidinho leve e florido, setsunai...
Setsunai é também aquela sensação que fica depois de ver um filme triste.

Depois que conheci essa palavra eu consigo dar um basta na tristeza. Ela não me leva mais para o fundo do abismo.

Mas há momentos em que temos que sentir tristeza. Senão ficaremos insensíveis.
O que quero dizer é que o poder limitador das palavras nem sempre é negativo.

Espero que seja útil para você que é tão sensível. Dê um basta na tristeza, stop the sadness, para que ela não acabe te consumindo. Setsunai, lembre-se.

.............................................................................


Simone do blog "Cantinho do Patchwork" escreveu: talvez meu blog não te interesse muito porque só falo de artesanato. Mas eu não falo só de sex shop. rs
Olhe o que eu fiz; Não é nada, nem chega a ser artesanato, são marcadores de livros.
Estava quase jogando o catálogo IKEA no lixo quando vi que estava sem marcadores de livros.
Como leio vários livros ao mesmo tempo, preciso de muitos marcadores. Eu fiz muitos, não sei onde foram, sumiram todos.



Tenho uma maquininha de plastificar, recortei e plastifiquei.
Meu filho disse, Ficou a sua cara, mãe.
Dou marcadores de presente com o nome escrito em japonês, faço de times de futebol também. Os torcedores ficam super-felizes.



É uma coisa simplesinha, mas não se vende. Sou a favor de fazer em vez de comprar, sempre que possível. I am not much of a crafter, não sei costurar, tricotar. Mas gosto de tintas, papéis e telas.
Viu Simone, gosto muito do seu tema também e de fazer coisinhas bonitinhas.

.................................................................
O tema está pesado hoje, vou terminar com uma gracinha.
Caso verídico.
Conheci recentemente um jogador de futsal e ele me contou que dorme com a bola de futebol na cama dele. rs E falou na maior naturalidade. Será que é comum jogadores de futebol dormirem com a bola?
Lisa do blog Inquietações fazia uma enquete: vc dorme abraçado no quê? Travesseiro? Ursinho?
Agora tem a versão bola de futebol.




Sex shop no Japão e músicas



Bem-vindo, quem caiu de para-quedas pela primeira vez por aqui. Falo de muitos assuntos. Costumo dizer que atiro para todos os lados. Mas é a primeira vez que falo sobre sex shop e provavelmente a última.

Achei uma sex shop online muito kawaii (lembram da aulinha de japonês, quer dizer bonitinha) aqui no Japão. É especial para mulheres e de bom gosto. Mas vocês rapazes também podem ver, claro.

Não pensem que as japonesas são todas castas e puras. Acho que apenas é um povo discreto, não alardeia coisas íntimas. Ah, e não canso de dizer, não sou japonesa, sou brasileira de alma e coração.

Não entendo muito dessas coisas, não sei se posso colocar link da loja. Posso? Então aqui vai o nome.
É Love Piece Club. Vc vai achar na busca Google. Se não achar, procure no Google Japan.
Acho que só dá para comprar no Japão. Não tenha preconceito em dar uma olhadinha. É bom experimentar alguma coisa diferente de vez em quando.

Se bem que euzinha só falo da boca pra fora, porque ainda não tive coragem de comprar nada nessa online shop.

É proibido para menores de 18 anos. Por isso, vocês com carinha de adolescentes: Bru e Miquilis do blog Farofa de Batata, Makika, Eric, Dil, não sei a idade de vocês. Mas se forem menores de 18 anos, tem que esperar mais um pouquinho.
Manoel do blog do Óbvio, apesar da foto, desconfio que seja menor de idade.

Depois me contem o que acharam.

Está em japonês, mas no canto superior esquerdo tem a opção para inglês.

.......................................................................

Ontem perguntei que músicas vocês ouvem, o Phalador me mandou uma lista muito legal, de muito bom gosto (musical) Aqui vai:

Belle and Sebastian.
Los Hermanos (não pode faltar).
Beirut.
Jacob Dylan.
Trilha Sonora da Série "One Tree Hill" Vol 3.
Tom Zé.
Tim Maia.
Nenhum de Nós.
E algumas avulsas; Chico, Legião.

........................................
Manoel e Aninha, atendendo a pedidos, quando eu beber vou passar e comentar nos seus blogs.
Mas não é sempre que bebo e não bebo muito. Mas foram vocês que pediram, depois não reclamem se eu ficar too nasty. rs



Ovos, música


Comprei um livro de culinária chamado "Tapas" que são comidinhas servidas nos bares da Espanha. Sempre quis saber fazer tapas e principalmente comer.



Falei para o meu filho escolher algum prato e ele escolheu este chamado "Huevos a la Flamenca". Eu fiz lendo em japonês, mas encontrei para vcs um link no Google España e outro no Youtube. Aqui vão:


http://www.recetasdiarias.com/recetas-de-cocina/recetas.php?idReceta=12


Consta que tem esse nome porque as cores são vivas e lembram o vestido de uma dançarina de flamenco.


Esta receita é para todos vocês, mas em especial para Eliene do blog Mulher Severino
E para Aninha Leme e Maria Desabafando porque sempre coloco muitas receitas com carne e frango e elas não podem comer. É que me sinto culpada de apresentar receitas que vcs não possam comer.

Meu filho olhou, falou que está bonito. Comeu e disse que poderia ter carne móida.

...............................................................................

Gosto de vários tipos de música, mas sabe o que eu estava ouvindo esses dias enquanto lia seus blogs? Estava ouvindo "Nutcracker" (Suite Quebra-nozes) e "Lago dos Cisnes" de Tchaikovsky no meu iPod com fone de ouvido. Seus blogs ficam muito dramáticos e intensos. O que vocês ouvem enquanto escrevem?

Já tentei, mas não consigo correr ouvindo iPod. Começo a correr torto e meio sem rumo. Nem andar. Isso acontece com vocês ou é só comigo? Às vezes acho que vim com algum defeito de fabricação.

.............................................................................

Assim escreveu Manoel do Blog do Óbvio falando sobre a verificação de palavras que aparece quando queremos comentar:


"Isso é horrível! Parece um teste para verificar se estamos bêbados. Se estivermos não conseguiremos acertar as letras e consequentemente não falaremos "bobagens" nos comentários, hehehe!"

Pois um dia eu tinha bebido um pouco de vinho à noite e estava respondendo aos comentários. Tentei, tentei, mas não conseguia ler e acertar as letrinhas da verificação de palavras. Desisti de comentar naquela noite. Vocês se livraram de comentários nocivos, acho.





Como desabilitar a opção verificação de palavras

Estou repassando uma campanha que vi no blog do Fabiano, do Blog do Luar Encantado, que viu no blog da Fe

Talvez você não saiba, mas a opção de verificação de palavras nos comentários dos blogs ao meu ver é inútil, que não faz diferença ter ou não ter, e que faz a gente perder muito tempo copiando aquelas letras, além de muitas vezes travar o comentário e sumir com ele.

Se você tem habilitada essa opção, mas não entende por quê, que tal desabilitá-la?

Se você também quiser divulgar esta campanha em seu blog fique à vontade.


Para fazer isso, é só ir em

-Nova postagem

-Configurações

-Comentários

-Procurar a pergunta: Exibir uma confirmação de palavras para seus comentários? clicar em NÃO

-Salvar configurações

Espero que consiga, boa sorte. Qualquer coisa me pergunte.

...................................................

100 seguidores, flores e blogs


Isso está virando uma novela e agradeço a paciência. Fui de novo ao médico. Ao dermatologista dessa vez. Ele me receitou uma pomada e acho que dessa vez está melhorando. Essa dica recebi no blog também. Vocês cuidam mais de mim do que a minha mãe, obrigadíssima.

............................................................................

Estou muito contente que este blog conta agora com 100 seguidores. Agradeço a cada um de vocês que acompanham sempre ou de vez em quando. Vou parar por aqui para não ficar parecendo cerimônia de entrega do Oscar ou Emmy.

A seguidora número 100 é uma moça muito simpática de Portugal. Escrevi para ela e ela já me convidou para visitá-la. Olha que eu apareço mesmo, viu? Fiquei a relembrar que aceitando convites de amigos e amigas ou me auto convidando já cheguei a ir para Boston, Portland, Hong Kong, Salvador, Cuiabá, Curitiba, Kuala Lumpur, Tokyo, Sendai, Kyushu, Jundiaí, Bankok, etc etc. Obrigada amigas que me acolheram com tanto carinho. Isso é uma ameaça: se me convidarem é bem capaz que eu vá e agora vá com filho a tiracolo.



Essa flor acima se chama "yoi mati gussa" (flor que espera a noite). Meu avô levou do Japão ao Brasil 74 anos atrás e minha família vem plantado desde então. Quando postei a foto fiquei sabendo através de outro blog que a flor é originária do México.

Tempos atrás fiz uma postagem sobre essa flor e ofereci para as 5 primeiras pessoas que pedissem as sementes. Exatamente 5 pessoas pediram e já comecei a enviar pelo correio.
Aguardem.

.......................................................................

É muito bom ter blog. Vocês não acham? Aprendi mais uma. Tomar cuidado com as palavras escritas, porque elas podem tocar mais fundo do que se imagina. Aconteceu quando enviei um comentário para Poderosa ponto com. O comentário está no post dela do dia 16 de outubro e um texto de resposta no dia 19 de outubro, se vocês tiverem curiosidade de ler. De qualquer forma agradeço por ter falado de mim no seu blog. Saiba que escrevi sem a intenção de causar tantas reflexões. E obrigada também por dedicar o texto a mim.

...........................................................................

Tem um blog que eu gosto muito que é do Phalador. Não sei muito dele, mas ele escreve uns textos incríveis. Aqui está o link: http://phalador.blogspot.com/
É uma pessoa que tem uma vida interior riquíssima e tem o dom de saber transformar isso em palavras e depois colocar no papel. (ops, na tela do computador). Recomendo se puderem a ler os textos antigos dele também. Procuro ler devagar e com cuidado porque há muita coisa a ser descoberta. Você nunca mais será o mesmo depois de ler o Phalador.

Manoel de Taubaté, Luciana de Salvador, obrigada por terem lido até o final, porque sei que vocês sempre leem até o final. E obrigada a todos que leem tudo sempre também.

.................................................................





Viagem para a China


Poderosa ponto com me perguntou por que a queimadura não cicatriza, por que fui de novo ao médico. Eu também queria saber. Mas fui na sexta-feira. Fui na emergência no domingo e fui hoje de novo. Os médicos e enfermeiras daqui nem sempre são simpáticos e eficientes como no Brasil. Temos que ter paciência de Jó.
Se vc é a Poderosa ponto com, acho que sou a coitadinha ponto com. rs

Tenho uma amiga que vai a Pequim no dia 22 de outubro.
Estou muito metida, não? Falando de tantos lugares.
Mas existem 180 países do mundo para onde nunca fui ainda.

Pequim em Pequim se chama Beidin, que lembra beijin, um beijinho.

A China é um dos lugares mais engraçados que já visitei. Se eu estivesse com meu filho, não acharia a menor graça nesses inconvenientes. Mas fui sozinha e achei muito divertido. Antes de tudo é um país grandioso.

Fui a Beijing anos atrás. Talvez tenha mudado muito.
Mas a amiga disse que vai de saia e salto alto à Grande Muralha da China.
Lá é meio descampado, sua saia vai voar e haverá um séquito de chineses atrás admirando a paisagem. Tem trechos íngremes, portanto recomendo ir de tênis ou sapato confortável. Tinha umas subidas que eu tinha que dar impulso tipo em desenho animado, sabe? Senão caía para trás. Juro.

Olha, o que vou escrever agora não é preconceito. Apenas vou relatar os fatos.
Aliás acho preconceito muito feio. Quer ver um exemplo?
Já vi japonês falando que o pau dos ocidentais é grande mas é mole. É mole? (pegaram o duplo sentido?) Como é que vão falar de algo que nunca viram? Claro que não são todos os japoneses que pensam assim, mas existem. Mas isso não seria preconceito, é obtusidade.

Relatando os fatos:
Fui a um restaurante na China em que os palitinhos (ohashi) ficavam
em pé numa vasilha com água. Quem acabava de comer devolvia os palitinhos na vasilha e os que chegavam para comer pegavam dessa mesma vasilha. Sem lavar. Fiquei estarrecida.
Naquela viagem quase não comi, emagreci mais de 4 quilos.

Procuro pensar que os hábitos de higiene dos chineses são apenas diferentes dos nossos.
A mãe deles não ensina as mesmas coisas que as nossas. Pensando bem, seria super anti-ecológico se 1 bilhão de pessoas usassem mais água, mais sabão.

Uma coisa boa da China é que vc não leva cantada nenhuma. Tenho a impressão que é proibido pelo governo comunista! rsrs O lugar onde mais levei cantada por metro quadrado andado foi na Itália.
Mas isso fica para outro post.

.........................................................

Aulinhas de chinês:

chechê Obrigado

Túo chao tien? Quanto custa?

-Ni rao? Como vai?
-Rao. Bem.

Números:

1 i, 2 ár, 3 sán, 4 su, 5 ú
6 liu, 7 tih, 8 bah ou pah, 9 til 10 su.

(Repare que o 4 e o 10 estão escritos iguais. A pronúncia é diferente mas só os chineses sabem a diferença.)

Dzai narl? Onde é?

Na verdade só sei isso em chinês.

............................................................

Terminando gostaria de desejar Feliz Dia do Médico.
Para todos os médicos e em especial para a Laély, do blog Sala da La, a médica mais fofa do mundo.





Como funciona nossa memória




Obrigada pelas manifestações de preocupação e carinho, mas já estou melhorando, obrigada mesmo.

...............................................................................

Parabéns à divertidíssima Aninha Leme do blog Deu Zebra que faz aniversário hoje. Pena que estou longe e não poderei apagar as velinhas com vc, mas saiba que mesmo de longe estou desejando tudo de bom para vc, querida.

..............................................................................

O Daniel, moço muito inteligente do blog "Textos, música e poesia " disse que meu blog tem informações variadas. Bondade sua. Na verdade, eu estou é atirando para todos os lados. rsrs.
Mas isso tem ajudado a organizar meus pensamentos.

A simpática Lisa do blog Inquietações perguntou e fiquei de comentar sobre este livro que estou lendo:


O autor do livro é psicólogo Douwe Draaisma. Está escrito em inglês.
Estou lendo esse livro não é porque eu "seje" uma pessoa culta e inteligente, é meio por falta de opção mesmo. É muito difícil encontrar livros em português no Japão. Então a gente acaba lendo o que cai na mão.
Eu adoro ler e achei esse livro na biblioteca pública. É prático e barato, aliás, é grátis, o que é melhor ainda. Dá para ler bastante sem gastar nada.
Mas sinto muita falta das livrarias do Brasil.

O livro fala que quando somos crianças, as casas e lugares parecem bem maiores do que quando crescemos. A Mônica e Marília disseram que voltaram à casa onde moraram na infância e acharam, depois de adultas, que a casa era muito menor do que na memória dos tempos de criança. É assim com todas as pessoas.

O livro faz essas perguntas:

Por quê não lembramos nada de antes dos 3 ou 4 anos de idade?
Por quê a lembrança de momentos dolorosos são mais nítidas?

De repente um cheiro nos lembra de algo que não lembrávamos há 30 anos.
Uma rua que tínhamos visto aos 7 anos de idade parece ter encolhido.
Por quê a vida parece que se acelera quando ficamos mais velhos?

Todas as respostas estão no livro.

Qual a primeira lembrança de vocês, ou melhor, qual a sua memória mais antiga?

Há muito mais coisas, mas continuarei outro dia.

。。。。。。。。。。。。。。。。。。。。。。。。。。

Outro dia escrevi que graças à vocês estou perdendo a vergonha de dizer que sei cozinhar. Lembram? Recebi um comentário muito engraçado do Manoel do blog "Blog do óbvio"


"Quer dizer que o pessoal da "blogagem" vem fazendo você "perder a vergonha"? Hehehe! Perder a vergonha e ficar sem vergonha é a mesma coisa? rsrsrs! Você é muito divertida. "

Acho que estou perdendo a vergonha de ficar sem vergonha! rsrs. Divertido é vc Manoel!


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

  © Layout Elisa no Blog por Fabiano Mayrink Blog designer.