-->



Enfeites, sonho, comidas exóticas


Sempre cito o Teórico aqui, mas é porque ele já morou no Japão e de certa forma complementa o meu blog. Costumo citar outros blogs sobre o Japão também. Ele tem uma visão parecida com a minha e conta mais coisas sobre o Japão. No seu último post, o Teórico conta a sua vivência no Japão. Quem já morou ou mora aqui vai se identificar. Quem nunca veio terá uma boa oportunidade de saber como é. Matem as saudades.

*****************************************************



Enviei para o Fabiano umas sementinhas de flor. Ele recebeu e fez um belo post a respeito.
Deem uma olhada. O blog dele se chama Blog do Luar Encantado. É realmente um encanto e encantado. Se vc estiver estressado, nervoso, esgotado, visitem o blog do Fabiano. É o lugar certo para vc se sentir mais feliz, mais leve e contente. Indo lá vc vai saber porque. Fabiano, obrigada pela homenagem.

Enfeites de Natal

Aprendi a fazer bolinhas de Natal muito bonitas.
É muito fácil, até eu consegui fazer.


Foi uma amiga que me ensinou.

Parece costurado?
Colado?

Sempre que possível, prefiro fazer do que comprar.
Se alguém quiser aprender e fazer, eu ensino outro dia.


Fiz com esses paninhos para patchwork que comprei no Saty.
Aqui no Japão tem paninhos muito bonitos para patchwork, quilt e crafts.

A Fernanda Reali escreveu no blog que eu sou uma brasileira com ideias bacanas.
Obrigada, fiquei contente com o elogio pois é minha intenção trazer ideias legais para o seu dia-a-dia.

Muito obrigada pela sua visita.

Até hoje fiz 400 postagens.

Vou colocar mais algumas fotos de Singapura.
Um dos sonhos da minha vida era conhecer o Hotel Raffles de Singapura.
Sonho realizado, fui até lá, tirei foto, mas não foi desta vez
que me hospedei lá. Esse hotel é um dos mais tradicionais e antigos de toda a Ásia. Lá se hospedaram os escritores Joseph Conrad, Somerset Maugham.
Quanto via revistas de turismo sobre Singapura, sempre aparecia esse hotel.






Sempre tive dúvidas de onde seria a Indochina, Indochine em francês. Seria na China? Na Índia?
Pelo jeito é em Singapura e mais outros países. Para mim Indochine me soa muito exótico, algum lugar muito, muito longe. Nem consigo acreditar que estive lá.


Um dos prazeres de viajar é a comida. Ali tem satay, espetinho de frango temperado, curry, verduras. Acho que era culinária de Singapura. Eu como de tudo, gosto dessas comidas exóticas.



Acima, teleférico no Parque Sentosa.

Passa um rio no meio da cidade.
Não se esqueça do protetor solar quando sair de casa.


Restaurante turco em Yokohama


Muito, muito obrigada pela visita de hoje aqui neste bloguito. Fico contente de coração. E espero que te aconteçam muitas coisas boas no dia de hoje.

^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^

Hoje levei o filho para conhecer uma escolinha de futsal. Ele ficou tão contente, o estilo rápido de jogo combinou com ele, que é uma criança rápida para tudo. Para quem ama futebol como eu, é a glória ter um filho que joga futebol, gosta, comenta sobre futebol. Sei que estou direcionando nesse sentido...será que posso só um pouquinho? Alguém mais teve essa felicidade?

***************************************************

Eu vinha sentindo a necessidade de dividir meus assuntos em outros blogs, mas ao mesmo tempo não queria ter mais de um blog. Resisti o quanto pude, mas acabei criando mais um. Fiz isso para organizar um pouquinho essa cabeça confusa que é a minha. (tinha um amigo que me conhecia muito bem e me chamava carinhosamente de cabeção, pode uma coisa dessas?
O novo blog chama-se Bom PInk Elisa e o link é http://elisafuji-blogspot.com
Para começar estou colocando lá os selinhos que venho ganhando. Peço desculpas pelo trabalho que estão tendo de ir a outro blog... Mas agradeço as visitas.

****************************************************

Marília do blog de nome sugestivo Segredinhos do Casamento que sua mãe não contou
escreveu sobre Lolitas Japonesas. Não escreverei mais para não estragar a surpresa.
Deem uma olhada, é legal para quem gosta do Japão, ou para quem não gosta também.
****************************************************

Novidade, novidade:
agora estou no Twitter, ainda não tenho ideia do que seja,
mas estou tentando aprender. Me registrei como Elisafuji
Acho que entrando por aí, vcs me acham.
O link é:

**************************************

Vocês já comeram comida da Turquia?
Eu nunca tinha comido até ontem.
Ontem fomos conhecer um restaurante novo.
Fica no Honmoku Doori, perto de Motomachi.
O restaurante turco se chama Malatya.



Acima , sopa de tomate.

Eles servem muitos pratos de carne moída tipo almôndegas.
Este prato acima se chama kebab.

Gostei do sorvete da Turquia. Ele estica, estica.
É muito gostoso.

No fim da refeição servem chá preto em copo pequeno e longo.

*****************************************

Prometi explicar melhor o que é onabe ou nabe.
Literalmente significa panela.
É um prato muito apreciado no inverno no Japão.
Existem vários tipos de nabe, suki-yaki, yosse-nabe, tyanko nabe, etc... variam os tipos de ingredientes.
Alexandre Mauj do blog Lost in Japan tem um post muito bom, completo sobre nabe no blog dele. Gentilmente ele me mandou um link, caso eu tivesse preguiça de escrever a respeito. rsrs
(Mauj, como vc adivinhou que sou preguiçosa? Obrigada, tasukarimashita.)
Aliás, ele tem fotos lindas e relatos precisos e inteligentes sobre o Japão, vale à pena conferir.

Abaixo, o link para o post de onabe do Alexandre.


**********************************************************



Cingapura, agradecimentos


A querida amiga do blog Desabafando e Sonhando fez uma linda homenagem para mim. Ela conta que fez os biscoitinhos, tirou fotos e fez um post. Que ótimo, fico muito contente!
Ela escreveu no comentário: os biscoitos não duraram nada de tão bom....
Além de Desbafando, a Miss Violet também fez os biscoitos de carinhas com a filha que segundo relato gostou muito da experiência. Isso mesmo, as crianças adoram fazer biscoitos e doces em casa. Quando são bem pequenos, acredito que ajude a desenvolver a coordenação motora e criatividade. Meu filho inventava muitos formatos quando pequeno e fazíamos biscoitos ou pão de queijo: cobrinha, cocô, lagarto, sapo. (coisas de menino, rsrs)

Não tem relação nenhuma com Singapura, mas vou revelar umas coisas pessoais. Talvez não interesse a ninguém, ninguém perguntou mas lá vai:

Não fumo, nunca fumei e pretendo nunca fumar.

Nasci em São Paulo, na av Brigadeiro Luís Antônio, numa maternidade que não existe mais, quase no fim da avenida, perto do parque Ibirapuera. É um lugar muito bonito de São Paulo. É arborizado, tranquilo, tem casas bonitas e parque com lago por perto. Até hoje inconscientemente tenho escolhido morar em lugares assim. O bairro onde moro em Yokohama é assim do jeitinho que descrevi acima. Acho que a maternidade ficava perto de onde fica o Hotel Unique hoje. Mas não sou chic, não. Quem me conhece sabe que sou simples. Mas não sou simplória porque aí já é pedir demais. rsrs

**********************************************

Fui com meu filho para Cingapura na volta da Malásia em agosto desse ano (2009).
Minha querida amiga Cláudia vai para lá em dezembro, por isso vou terminar de escrever sobre o passeio por Cingapura. Espero que a Patrícia Mascarenhas não fique triste de saudade ao ver estas fotos. Escolhi letras vermelhas porque estava muito calor. Lá é perto (da linha) do Equador.

Esta é a estátua de Sir Stamford Raffles (rrá fôus) desculpe quem sabe a pronúncia direitinho, mas essa é uma palavrinha de pronúncia difícil, concordam? Atrás estão os prédios modernos desta cidade-estado. Aqui era uma pequena vila de pescadores quando Sir Raffles achou que seria um ótimo lugar para fazer comércio entre a Ásia e a Inglaterra. Cingapura fica bem na pontinha ao sul da Malásia. Liderados por Raffles, em 1819 a Companhia das Índias Orientais abriu um entreposto comercial nessa pequena vila de pescadores. Hoje é uma das repúblicas mais prósperas e desenvolvidas do mundo.

Consta que essa bela ponte é da época colonial, assim como o Fullerton Hotel, que está do lado esquerdo da foto. Cingapura foi invadida pelos japoneses durante a II Guerra Mundial. Alguns registros falam que 50 mil, outros falam que 80 mil habitantes de Cingapura foram assassinados pelo exército japonês. Eu não sabia de nada disso. Fiquei sabendo ao ver um livro histórico em uma livraria. Dizia que os japoneses pegavam todos os suspeitos de conspiração e a execução era sumária. Acho importante conhecermos a história para saber o que de fato aconteceu no passado.

Não sei se vocês sabiam, mas não é a toa que muita gente na Ásia tem ódio dos japoneses. Isso está passando e mudando com o tempo. Os asiáticos são de uma generosidade e nobreza ímpar com os japoneses. Muitos dizem que isso é coisa do passado, os japoneses atuais não tem culpa das atrocidades do passado. Acho bonito que o perdão esteja no coração das pessoas.


Em Cingapura existe um parque de diversões enorme, fantástico, que para mim dá de 10 a zero na Disney. Há quem goste da Disney acima de tudo. Mas o parque de diversões Sentosa de Cingapura é incrível. Meu filho que não gosta muito de parque de diversões adorou. (ele prefere subir montanhas, caiaque) O governo está construindo esse parque. Lá além das atrações tem floresta, hotéis 5 estrelas, restaurante, praia e dizem que o show de fogos à noite é muito bonito. Enfim, é o parque de diversões mais completo que já vi.

Este é o Luge (lhuu di) que o filho adorou.

Esse Merlion é enorme. Morri de rir. Me lembrou o seriado Lost. Lembra Fernanda Reali? Tem essa estátua na ilha de Lost.

****************************************

Vou explicar melhor outro dia o que é onabe (ensopado de verduras) porque muitos perguntaram.




Passeio cultural em Tokyo


Yosse nabe
Fotografei um prato de verduras orgânicas que comemos ontem.
Acelga, cogumelo, cenoura e cebolinha vão para a panela e fazemos um ensopado
ou cozido chamado onabe ou nabe. Existem vários tipos de nabe, vc pode variar no molho.
Ontem fiz com vários tipos de peixe e camarão. Gosto muito de verduras e se não como sinto falta. Vc já comeu um onabe?


Gostaria de acrescentar aqui o blog da Fabi da Jordânia.
Ela fez um post muito interessante sobre como viajar com crianças.
Eu sempre viajei com ou sem crianças mas tenho dificuldade em enumerar e organizar como a Fabi, e achei ótimas as dicas. Ela fala de cuidados gerais mesmo para quem não tem filhos e vai viajar. Confiram no link: http://crocheestilocasa.blogspot.com/

******************************************


Querem ver um pouco de Tokyo? Hoje o post está cultural.
No começo de novembro, algumas amigas e eu fizemos um passeio cultural por Tokyo. O local escolhido foi Nezu Jinja e a região de Yanaka.
Foi nesse dia que fizemos o pic nic no cemitério que já relatei anteriormente.

Torii. Todos os templos xintoístas tem um torii, que é essa estrutura de madeira na entrada.

Este templo é conhecido pelas azaléas.



Este é o prédio principal do templo onde são realizados os rituais xintoístas.
O templo é pintado de vermelho, dourado e preto. É belíssimo e de tirar o fôlego.
Forma um belo contraste com o verde da natureza.
Todos os templos xintoístas tem que ter muitas árvores em volta.

A primeira vez que vi esse símbolo que se chama mándi no Japão, levei um susto e pensei que fosse o símbolo nazista. Na verdade é um símbolo budista. Fica desenhado no peito de algumas divindades budistas da Índia muito, muito antigas. No Japão, a figura gira para o lado esquerdo.
A suástica nazista gira para o lado direito. Repararam?

Muitos toriis enfileirados. São oferendas. Acho muito bonito e japonês.

Ao sairmos do templo, andamos pelo bairro de Yanaka. Existem várias ruelas estreiras como essas .
Achamos essa estátua budista em um dos muitos cemitérios e templos da região.


aulinha de japonês:
jinja (dindya / 神社) templo xintoísta
torii ( 鳥居 ) portão dos templos xintoístas
mándi ( 万字 ) símbolo budista

Muito, muito obrigada pela sua visita hoje.

Receita de biscoito, presente,



Quero apresentar aqui um blog que gosto muito que é do Teórico. Ele escreveu sobre um filme japonês muito bom que se chama Okuribito, traduzido como Departures. Parece partida de aeroporto mas não é. Não vou acrescentar mais coisas para não estragar a surpresa. Veja o link Teoria do Absurdo
Esse blog fala de vários assuntos, as vezes sério mas geralmente com humor inteligente. Talvez seja só impressão, mas acho que quem gosta deste bloguito aqui vai gostar do Teórico também. Depois me contem.

**************************************************



Me perguntaram se as cerejeiras estão em flor. Quem me dera. Começa o outono e logo vem um longo e frio inverno para só depois nascerem as flores de cerejeira, os sakurás em abril.
Morro de inveja de vocês do Brasil onde começa o verão. Queria tanto uma praia, sol, pouca roupa... Mas essa é uma época muito bonita. Essa árvore está com folhas amarelas. Fica bem pertinho de onde moro.

*******************************************************

O post de hoje está comprido, espero que tenham paciência. Mas leiam aos poucos.

Pensei que ninguém ia querer a receita, mas tive pedidos carinhosos de vocês.
Aqui vai a receita do biscoito de fubá. Quando está escrito cornmeal em receitas americanas, uso o fubá brasileiro e sempre deu certo. Alguém aí sabe se são diferentes?
Já que é para fazer, vamos fazer direito. Fiz de novo a receita, tirei fotos e vou apresentar passo a passo.

American Cornmeal Shortbread
Essa receita é do livro "Martha Stewart' s Cookies"
As carinhas aprendi num outro livro japonês.

Ingredientes:
1 copo americano de manteiga
1 copo americano de açúcar de confeiteiro (aquele fininho)
3 colheres de sopa de fubá
2 copos americanos de farinha de trigo
3 gotas de essência de baunilha (se não tiver não precisa)

Obs: eu achei muito, fiz metade da receita.


Misture a manteiga com o açúcar de confeiteiro.
(A manteiga deve estar em temperatura ambiente.)
Misture até ficar um creme esbranquiçado.

Acrescente o fubá.

Acima, acrescente a farinha de trigo.



Acima, com as mãos, molde metade da massa em formato de bastão.
Leve à geladeira durante 2 horas para endurecer.
Isso é para trabalhar a massa depois.
Pode fazer mais fino e comprido.


Acima, quando estiver duro, cortar em rodelas de meio centímetro de espessura.


Fazer furinhos com palito ou ponta de ohashi (orráshi), palitinho japonês
.
Usar colher, ponta de colher para fazer as carinhas.

Experimente fazer várias carinhas. Carinhas alegres, tristes, bravas.

Colocar no forno de 180 graus durante 12 a 14 minutos.
No forno abstrato é fogo baixo, acho.
Digo forno abstrato porque para mim, esses que não tem
temperatura exata são abstratos. rs

É muito divertido. Vc pode fazer com filhos ou sobrinhos.
As crianças vão adorar.
Se fizerem, me contem depois.

^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^
A Mônica de Minas fez um post falando de mim:

Ela escreveu:
"Este ano, foi um ano especial. Ganhei muitas amigas invisíveis. Mas amigas que se tornaram tão importantes, que passaram a fazer parte de minha família. Nas minhas orações e no meu coração.
Elisa, sempre me cativou. Ela tem o nome de minha vovó paterna e de minha quarta irmã. E isto nos aproximou mais. Ela passou a ser visível."

Fiquei muito contente e emocionada com as palavras da Mônica.
Gostaria de agradecer o lindo presente que vou mostrar para vocês.



Acima o envelope EMS onde veio o presente.


Este é o presente que chegou. É bordado lá da cidade de Santo Antonio do Amparo, MG.


Ela me enviou foto da cidade de Santo Antonio do Amparo e uma cartinha.
Adorei tudo, muito obrigada, Mônica.

........................................................

Enviei hoje pelo correio as sementinhas da flor yoi-mati-gussa para o Fabiano, Lisa e Bruna.

As sementes vão nesses envelopes.
Consegui um lindo selo de ukiyo-e japonês.
Espero que gostem.



Segue junto uma explicação escrita à mão.
Poderia ter digitado, mas preferi escrever pelo seguinte:
plantar é algo que se faz com as mãos. Ficaria mais simpático escrever.
Já mandei algo parecido para a aninha Leme, ela disse que tenho letra bonita.
Obrigada, mas será? Ultimamente temos poucas oportunidades de enviar cartas.
É uma pena.

.......................................................

Aulinha de japonês:

ohayoo ou ôrra-yoo ( おはよう) bom dia
kon-niti-wa ( こんにちは) boa tarde
kon-ban-wa ( こんばんは) boa noite - good evening
oyassumi-nassai ( おやすみなさい ) boa noite (na despedida) - good night

Fico contente porque tem gente já escrevendo suki-yo para mim. Sinal que aprenderam falar "gosto de você" em japonês.
Suki-yo para vcs também.

...................................................................



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

  © Layout Elisa no Blog por Fabiano Mayrink Blog designer.