-->



Paris




Hoje vou falar de viagens. Recebo comentários dizendo que gostam de ver esse blog porque mostro ou falo de lugares que provavelmente nunca vão conhecer. Talvez vc ache que nunca vai conhecer esses lugares. Mas se vc planejar e quiser de verdade, acho que vc irá para qualquer lugar que quiser. Vamos sonhar e acreditar!

A amiga de uma amiga vai à Europa e pediu umas dicas.
Ela vai para Paris, Londres, Bruxelas, Amsterdã, Copenhague, Praga, Viena, Munique, Salzburg, Veneza, Roma, Terue e Barcelona.
Dessas cidades só conheço quatro: Paris, Londres, Munique e Roma. Pretendo escrever sobre essas 4 cidades. Se vc conhece alguma dessas outras, poderia deixar as dicas nos comentários?

Vou começar por Paris. É de certa forma o oposto do que escrevi sobre Pequim. Não sei se vc leu, mas no post anterior falei que Pequim mudou muito de 20 anos para cá. Parece outra cidade. Já Paris está exatamente igual a mais de 20 anos atrás.

Paris é realmente tudo o que falam e mais um pouco. É linda, romântica, clássica. Mas acho que minha mãe não ia gostar, iria achar tudo velho.

Mesmo para pessoas que não gostem de arte, acho legal conhecer o Museu do Louvre. A entrada central, pela pirâmide de vidro é sempre cheia de gente. Vc vai pegar uma fila enorme. Recomendo a entrada que se chama Porte des Lions, que fica do lado direito do museu, perto do Rio Sena. Entrei por lá e gostei muito porque dá para ver inclusive as ruínas encontradas na época da construção da pirâmide. Vi um muro de pedra da época em que não havia o palácio e o Louvre era uma fortaleza cercada por muros de pedra. Vc sabia dessa?

Vale à pena andar pela avenida Champs Elysees (chanzelisê). Meu filho ficou com vontade de comer hamburguer então almoçamos no Hard Rock Café. Subimos a avenida a pé e fomos ao Arco do Triunfo. Subindo dá para ter uma vista panorâmica da cidade.


Esta foto acima é da Ópera de Paris. Não estava passando ópera mas deu para entrar e ver por dentro. Era tão lindo que parecia um palácio. Esse ônibus está atrapalhando na foto, esperei, esperei mas vinha um ônibus atrás do outro, tirei a foto assim mesmo.

Tem um ônibus de turismo chamado Open Tour de dois andares que te leva para os principais pontos turísticos da cidade. Dá direito ao barco que navega pelo Rio Sena. Peguei o barco no Louvre e desci na Catedral de Notre Dame. Que tem tb uma fila enorme para subir até a torre.

Uma das dificuldades de Paris é a falta de banheiros. Uma dica valiosa: todos os cafés tem sanitários grátis no sub-solo. Vc compra uma água mineral e ganha o direito de usar o banheiro. Meu filho já sabia e descia correndo enquanto eu comprava a eau minerale (pronuncie ô minerrale). Por sorte, há muitos cafés em Paris.

Há muita coisa para se ver, mas eu destacaria essas.

Quando vc se cansar de andar, vá a um café e faça como os parisienses: sente-se do lado de fora e fique admirando a paisagem. Paris é linda de qualquer lugar e ângulo. Bon voyage!

Postarei sobre as outras cidades nos próximos dias.








21 comentários:

Diego Borges disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Diego Borges disse...

Oi Elisa, é bom poder passar aqui novamente, tava com saudade das suas postagens que por algum motivo não estavam aparecendo no meu painel.
Achei legal as dicas sobre paris, mas eu tenho uma pergunta.
Alguns amigos meus da faculdade que já viajaram pra paris me disseram que la não cheira bem , isso é verdade??? Eu achei estranho mas não questionei de imediato pois eu sempre achei que havia um bom motivo pros melhores perfumes virem de lá .
Talvez eles tenham estranhando pois já vi muitos relatos que o que mais o brasileiro acha de diferente la fora é o cheiro. eu pelo menos sinto diferença mudando de cidade.
Desde já eu agradeço .
Um grande abraço e fica com Deus !!!!

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

Que chique Elisa... ate ri qdo vc falou "só conheço quatro cidades" rs... tanta gente nunca nem viu nenhuma rs...

Não sabia dessa questão dos banheiros. Dependendo do caso, melhor comprar um fraldão hehehe.

Ao contrário do Diego, ouvi falar que Paris é uma cidade perfumada. Afinal de contas é a terra dos perfumes, as pessoas andam bem arrumadas e elegantes. Procede?

Que legal esse post. A gente aprende bastante coisa.

Bjos, bom descanso pra vc

Fala Mãe! disse...

Elisa querida. Bom, eu sou suspeita pois amo Paris. E como vc disse, mesmo que a pessoa nçao ligue para artes, não tem como não se empolgar no louvre e no museu de orsay. No louvre tem a parte do egito que encanta a todos.
Para comer como eu morava lá, comiva coisas mais baratas, enlatados de supermercados são bons, diferentes daqui. E na rua adorava o sanduiche de camembert na bagette e era o mais barato que mim que era estudante dura rs. A questão do banheiro é crítica mesmo, eu cheguei a ficar com problema nos rins de tanto segurar xixi lá. O lance é comprar alguma coisa no mac donalds e pegar a senha do banheiro, ou pra quem mora lá, decorar a senha e entrar na cara de páu mesmo...Adoro suas dicas sempre sábias e detalhadas. beijos
Cynthia

Angela disse...

Elisa,
Que maravilha é Paris hein? Sou uma dessas pessoas que o Alexandre Mauj citou, não conheço nada, nada sei.
Feliz vc minha querida que aproveita a vida viajando tbm.
Saudade,
Bjs

Garota Karioka disse...

Que delícia!
Acabei de viajar para Paris com sua postagem.
IR à Paris é um sonho que pretendo realizar o mais rápido possível.
Beijos, beijos!

Desabafando disse...

Eu já estive em Paris e é a cidade mais encantadora que já conheci. Os prédios antigos contribuem pra esse charme. Parece que ela parou no tempo e se manteve não? Lendo seu post me apertou o coração de saudades lembrando das coisas que conheci e vivi nos poucos dias que estive lá. E acho que não pode ficar de fora do passeio a visita a torre Eiffel, que eu recomendo subir pelas escadas pra apreciar a paisagem. E a igreja de Sacre Coeur de onde também se tem uma vista incrível da cidade (atrás dela tem um bairro muito charmoso Montmartre com artistas de rua e lojinhas de artesanato de qualidade). Chegou a ir até lá? Acho que o legal é pegar um mapa da cidade e se permitir andar livremente e se perder pelas ruas. O metrô lá é invejável também. Sabe que eu morro de vontade de voltar? rsrsrs..

Desabafando disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Desabafando disse...

E quanto aos banheiros, eu não encontrei essa dificuldade. Às vezes entrava em lojas de fast food (mesmo sem consumir nada), disfarçava e ia ao banheiro (eram poucos os que tinham senha), foi o que mais fiz quando estive na Europa. Batia a vontade eu procurava um Mc rsrsrs.... Tive que pagar 1 euro num lugar, mas tb o banheiro era excelente, moderno e muito limpo. O negócio é bancar a cara de pau e entrar nos Mc Donalds, Burguer King, Pizza Hut, Grandes supermercados e similares...rsrsrs..

Bah disse...

Nossa, que chique! Vc já viajou pra tantos lugares e fala como se conhecesse há anos... Isso é super legal... Vou lembrar das suas dicas quando eu for viajar, num futuro longinquo rs...

Kisu!

Anônimo disse...

Elisa Fuji, não sei quanto tempo você ficou durante a sua estadia em Paris, mas mesmo assim, lhe pergunto por curiosidade, a visão de uma cidadã não-francesa, no caso você. Sei que há um número considerável de judeus na França tanto quanto muçulmanos. Parece-me que chega a centena de milhares. Não sei ao certo. Há noticiários constante a respeito da tentativa de proibição do uso do Hijab (véu islâmico) para as francesas que professam a fé islâmica em vários setores (Universidades, Trabalho, recintos fechados etc). Neste seu período como visitante, você reparou uma certa intolerância quando, em via pública, se cruzavam judeus com islâmicos? Não digo na intensidade que ocorre em Jerusalém ou no território israelense, mas você chegou a ver algo mais ríspido entre estas duas comunidades? Como o policaal francês age quando ocorre tal fato? Como se comporta o povo francês de maioria cristã diante destas duas comunidades? Até, Hélio Shiino.

Mar Ilha disse...

Vou falar uma coisa que talvez vcs fiquem surpresos - fiquei decepcionado com Paris. Não que lá seja feio. Muito pelo contrário, mas todo mundo falava tanto de Paris que eu esperava mais. Será que tinha jeito de ser mais bonito??? A verdade foi que como foi a última cidade que visitamos já estava cansada. Adorei subir na Torre mas AMEI fazer o passeio de Barco pelo rio Siena. Imperdível!

Elisa no blog disse...

DIEGO,
Fiquei cuiriosa, onde seus amigos foram que cheirava mal? Eu não achei isso, pelo contrário, nas lojas de perfume o cheiro é ótimo. Talvez perto do banheiro público cheirasse mal. Mas isso acontece em qualquer lugar, né? Estava com saudade, que bom, vc reapareceu.

MAUJ,
tem muito turista lá que se veste como turista. Mas foi o único lugar em que como turista achei que deveria ter caprichado mais nas roupas. O pessoal local é realmente muito elegante. Mesmo os despojados fazem isso com classe e estilo. Não sei, mas é diferente.

CYNTHIA,
Esqueci de citar o Museu Orsay, ainda bem que vc se lembrou. é lindo tb. Fico até envergonhada de ficar falando de Paris para vc que já morou lá. Obrigada pelas valiosas dicas.

Elisa no blog disse...

ÂNGELA,
Que saudade de vc, pensei que vc nem estava mais acompanhando esse blog. É bom ver vc de novo aqui. Obrigada.

GAROTA KARIOKA,
gostei de ver a sua animação. Paris é linda, acho que vc vai se encantar. Mas o Rio em belezas naturais é imbatível.

DESABAFANDO,
Fiquei contente sabendo que vc se emocionou ao se lembrar de Paris lendo meu post. Tinha esquecido da Torre Eiffel, obrigada por lembrar. Fui a Monmartre da outra vez, dessa vez não fui. Lembro que um artista desenhou meu rosto quando eu estive lá. Ficou bem diferente, nem me reconheci, rsrs. Meu filho estava com 10 anos na época, então não foi possível andar muito para lá e para cá. Foi por isso que escolhi o ônibus de turismo. Eu mesma prefiro fazer como vc disse. Lá não vi Mac, Burger King nem supermercados. Onde tinha tudo isso?

BAH,
Gostei da nova foto e do cabelinho. Eu tb já usei assim. Meu cabelo era bem lisão, mas com a idade está ficando levemente ondulado para a minha alegria.
Espero que consiga ir um dia, sonhando um dia conseguiremos.

Elisa no blog disse...

HÉLIO SHIINO,
Pelo visto vc entende bem de relações judaico-árabes. Quando estive lá não senti nenhuma animosidade entre os dois grupos. Lá tem tantos turistas que as nacionalidades ficam um pouco diluídas, ou melhor, é difícil identificar as origens. Além disso sou tão desligada, reparo muito pouco nas coisas. Quem me vê escrevendo assim desenvoltamente no blog acha que sou super antenada e ligada, mas é o oposto disso.

Se as moças usassem véu ficaria mais fácil de saber, mas não vi ninguém de véu nem burka. Não sei se te interessa, mas lá em Frankfurt na frente do hotel onde fiquei teve uma briga feia entre neo-nazistas e um grupo que não sei de onde é. Mas imagino que sejam do Irã, Turquia ou norte da África. Também sei um pouco mais sobre o islamismo na Malásia porque viajei para lá no ano passado, tenho amiga muçulmana lá. Desse assuntos eu poderia comentar mais um pouco caso te interesse. Anyway, obrigada pelo comentário sempre inteligente.

MARÍLIA,
enfim encontrei uma pessoa que não gostou de Paris. Acho que deve ter sido o cansaço. Minha mãe tb não ia gostar de lá, ia achar tudo velharia. Por isso ela gosta de Tóquio onde tudo é novo e as coisas antigas tem uma ar de eterno sem parecer velho.

mar e ilha disse...

Elisa, na verdade eu gostei mas não amei e o motivo foi realmente o cansaço. Agora Veneza eu achei o sonho dos sonhos. Qdo vc falar sobre Veneza eu comento mimhas impressões.

Mônica disse...

Elisa
Nós tivemos um pouco de decepção mesmo! Até chegar a noite para ver a torre iluminada, porque de dia ela não faz o tipo de quando a gente chega no Rio e ver o Corcovado.
A gente suspira de emoção lá só a noite a gente se emociona com a torre. De dia não é grande coisa!
Mas talvez fosse o cansaço. E uma maratona para ninguem colocar defeito.
Mas jamais voltarei e então mesmo assim foi um PASSEIO magnifico
Continue escrevendo estou adorando!
Com carinho Monica

Fernanda Reali disse...

Amei o post também os comentários. A diferença deste blog para os outros é que os comentários têm um nível tão bom quanto os posts! Adogo, hahaha.

Fiquei duas semanas em Paris e planejei voltar no ano passado, mas estava muito frio e acheimelhor não arriscar (-3 graus com duas crianças pequenas). Gastar e ficar socada em hotel não dá. Melhor ir com temperatura amena para bater perna para cima e para baixo.

Meu lugar favorito lá é a Plâce des Vosges. Jogando no google a gente fica babando com a história e as imagens. Fui feliz lá e se tornou inesquecível. Voltarei com certeza.

Sobre BBB, os dois últimos posts do meu blog estão defendendo a permanência do Dicesar, a drag queen Diimy Kier. O post escrito pela Lilah é emocionante.

Salvando DIMMY www.bit.ly/ctXmJb

Beijos!!!

Elisa no blog disse...

MARÍLIA,
Nunca fui para Veneza, uma pena, mas gostaria muito de conhecer um dia. Acho que foi o cansaço a MÔnica tb estava dizendo o mesmo.

MÔNICA,
vc está falando da torre Eiffel? Estive lá de dia, não sei nem se acende luz à noite, rsrs. Que bom, vc gostou do que escrevi. só de lembrar de Paris e escrever já fico contente.

FERNANDA,
Não sabia que vc conhecia Paris, que legal. Meu filho adorou. Lá é uma cidade boa para crianças tb. Já tinha ouvido falar, mas não sabia que Plâce des Vosges fosse tão bonita. Nunca fui, mas da próxima vez faço questão de conhecer. Obrigada pela dica valiosa.
Fiquei contente tb por vc dizer que aqui os comentários tem um nível tão bom quanto os posts. vc é uma pessoa especial, conseguiu numa frase só elogiar a mim e todos os que aqui comentam. Preciso aprender muito com vc que é uma pessoa muito sábia. Gostei tanto que queria colocar sua frase num post futuro meu, posso?

Fabiano Mayrink disse...

Elisa Paris deve ser mesmo linda, e pelo que vejo em algumas fotos pela internet, mesmo as pessoas despojadas, se vestem bem!! De muito bom gosto tudo!

verdade sabia, devemos ou melhor devo me animar mais, se eu quiser um dia eu consigo!

enfim enquanto esse dia nao chega, vc e suas descriçoes me fazem viajar, como o Mauj disse, que chique ^^

te mandei um email, abraços!

Vinicius disse...

Elisa,

- E a minha vontade é de conhecer Paris (como sabe eu aprecio muito a cultura francesa (e a cultura Europeia em geral). Talvez porque venho da região sul do Brasil. Gostei do seu post (e me desculpe o sumiço; faculdade e trabalho tem me tomado todo o tempo). Mas me fale de ti; como você está?

Abraço.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

  © Layout Elisa no Blog por Fabiano Mayrink Blog designer.